O presidente da empresa, Albano Schmidt, informou que a companhia faturou cerca de R$ 300 milhões no ano passado

Clique aqui e veja a cobertura fotográfica

Florianópolis, 22.11.2019 – A Termotécnica, de Joinville, participa do Espaço Indústria, ambiente localizado na FIESC, em Florianópolis, e que todos os meses abre espaço para a indústria do estado mostrar produtos e serviços. “Hoje somos uma das maiores indústrias transformadoras de EPS (conhecido como isopor). Somos a maior na América Latina e líderes em embalagens industriais no Brasil. Temos 785 funcionários e faturamos em torno de R$ 300 milhões em 2018”, informou o presidente da companhia, Albano Schmidt, à diretoria da FIESC, nesta sexta-feira (22), em Florianópolis.

A empresa tem unidades em São José dos Pinhais (PR), Rio Claro (SP), Petrolina (PE) e Manaus (AM). “A razão dessas localizações é para atender os principais clientes. Nós recebemos deles as necessidades, fazemos a prototipagem, fabricamos os ferramentais e temos um atendimento e agregação de valor nos serviços de logística. Além disso, quase todas as nossas embalagens são entregues na linha de montagem dos clientes e temos ainda um trabalho de logística reversa pós-consumo”, explicou Albano.

Conforme Schmidt, o EPS é 100% reciclável e para isso usa poucos recursos naturais. “Por meio do nosso programa, desde 2007 já reciclamos mais de 40 mil toneladas. Um terço do que é produzido no Brasil e vai para embalagens, nós reciclamos”, disse.

O presidente da FIESC, Mario Cezar de Aguiar, chamou a atenção para os reconhecimentos nacionais que a Termotécnica tem recebido por sua atuação na área de reciclagem e sustentabilidade. “É uma empresa premiada, com forte atuação em logística reversa e no uso da inovação e tecnologia”, afirmou.

:: Conheça a história da Termotécnica na Revista Indústria e Competitividade.  

Entre em contato

Tire dúvidas, envie sugestões e reclamações

Fale conosco