Compartilhar:

Em Balneário Camboriú e Itapema, equipes estão visitando os canteiros de obras para esclarecer dúvidas sobre o monitoramento da saúde dos trabalhadores

Florianópolis, 6.05.2020 - Indústrias da construção civil, primeiro setor a retomar as atividades após os decretos editados pelo governo para conter o avanço do coronavírus, estão sendo orientadas pelo SESI para o atendimento dos protocolos de segurança. Em Balneário Camboriú e Itapema, equipes da entidade que integra a FIESC estão visitando os canteiros de obras para esclarecer dúvidas sobre o monitoramento da saúde dos trabalhadores.

“Estamos atuando muito próximos da indústria e em interlocução permanente com o governo para a volta das atividades com segurança. Assessorar o setor neste momento é fundamental nesse sentido”, afirma o presidente da FIESC, Mario Cezar de Aguiar. 

A ação integra a campanha Obra mais segura e quer assegurar o entendimento das medidas preventivas, explica a gerente executiva de saúde e segurança do SESI SENAI, Sendi Lopes. “O setor está atento às medidas de saúde e segurança necessárias para manter o ambiente seguro. Uma das questões mais importantes diz respeito à orientação do trabalhador, conscientizando sobre a importância da higienização frequente e correta das mãos, a intensificação da limpeza das áreas comuns e das superfícies mais tocadas, como elevadores, interruptores, mesas e ferramentas”, explica. “Todos devem estar atentos e devem ser afastados ao surgimento de sintomas como febre, tosse, coriza e falta de ar”, completa.  
 


Entre os documentos elaborados pelo SESI, em parceria com os SINDUSCONs e os SECONCIs de Santa Catarina, estão o protocolo para gestão de crise, que orienta sobre a implantação de um modelo que atenda aos cuidados e medidas preventivas exigidas pelas legislações federais e estaduais; o checklist de implantação, que visa facilitar a dinâmica da implantação das medidas no canteiro de obras; cartazes informativos, com a seleção de informações importantes para divulgação no canteiro de obras, que podem ser impressos e afixados em locais específicos, como murais, próximo ao elevador, locais de higienização, refeitório, entre outros. 

::: Os documentos estão disponíveis no site do Observatório FIESC e são atualizados sempre que necessário, mantendo assim as indústrias sempre informadas.

::: WhatsApp imprensa FIESC: Você é da imprensa ou da indústria? Cadastre-se para receber nossos conteúdos. Basta salvar o número (48) 9 8405-1312 nos seus contatos e nos enviar uma mensagem, informando seu nome e o nome de sua empresa.
::: Telegram da FIESC: Também estamos no Telegram! Para participar do nosso canal, acesse: https://t.me/fiesc


Assessoria de Imprensa
Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina

Entre em contato

Tire dúvidas, envie sugestões e reclamações

Fale conosco