Educação tecnológica, telemedicina e inovações em saúde dão o tom da entidade que nasceu para oferecer mais qualidade de vida ao trabalhador industrial

Florianópolis, 6.12.2021 - O Serviço Social da Indústria (SESI) de Santa Catarina, entidade que integra a FIESC, celebra 70 anos nesta segunda-feira, dia 6. Cada vez mais digital e conectada à indústria do futuro, a entidade segue sendo o principal suporte para o trabalhador industrial quando o assunto é saúde e educação. 

“Sem perder sua essência, o SESI chega aos 70 anos voltado a uma indústria cada vez mais tecnológica e dinâmica. Marcados pela pandemia do coronavírus, os dois últimos anos impuseram à entidade grandes desafios, tornando o SESI um dos maiores aliados do setor produtivo e do governo estadual nesta luta”, destaca o presidente da FIESC e diretor regional do SESI, Mario Cezar de Aguiar. “As equipes atuaram na elaboração de protocolos de segurança, que permitiram a retomada segura das atividades econômicas, e desenvolveram um aplicativo de monitoramento da saúde do trabalhador que permite tomar medidas preventivas logo que os primeiros sintomas da doença aparecem. Também lançamos o serviço de telemedicina, com médicos disponíveis 24 horas”, acrescenta, reforçando o papel vital do SESI na sociedade.

O pioneirismo da entidade também pode ser percebido na área educacional, como pontua Fabrizio Machado Pereira, diretor de educação e tecnologia da FIESC. “Seguimos atualizando o nosso portfólio, focados na resolução das demandas industriais. Fomos pioneiros ao implantar o novo ensino médio em nossa rede de educação básica. Oferecemos uma educação tecnológica, alinhada com o que há de mais moderno no mundo. Uma educação focada na formação do cidadão e nas demandas da indústria. Traçamos um amplo projeto educacional até 2030, nossa entrega de uma educação de excelência para a nova indústria”, frisa.

No âmbito da saúde, o SESI trabalha para ampliar o reconhecimento das indústrias de que a gestão de programas de saúde e segurança, e a promoção de comportamentos seguros e saudáveis são fatores de melhoria da produtividade. Na educação, além de elevar a escolaridade do trabalhador da indústria, a entidade oferece ao estudante uma jornada de ensino completa – do infantil ao médio - por meio da Escola S. 

A entidade conta com 5,5 mil colaboradores. Em 2020, realizou 24 mil matrículas em serviços educacionais e mais de 433 mil trabalhadores foram atendidos nos serviços de saúde e segurança. Sua ampla estrutura de atendimento inclui clínicas ocupacionais, 74 farmácias, 103 unidades de alimentação industrial, 46 unidades de educação e 36 unidades móveis na área de saúde. 
 

Assessoria de Imprensa
Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina - FIESC

Inscreva-se e receba semanalmente por e-mail as atualizações da indústria de Santa Catarina