Formação é oferecida por meio do programa Pode Crer, em parceria com o Instituto Vilson Groh; adolescentes de 14 a 17 anos participam do curso que segue até dezembro

Florianópolis, 07.10.2021 - Vinte e cinco adolescentes com idade entre 14 e 17 anos que vivem em comunidades da Grande Florianópolis deram um passo importante nesta terça (5) em busca de uma carreira profissional. Eles iniciaram o curso de programação de dispositivos, oferecido gratuitamente pelo SENAI, por meio do programa Pode Crer, uma iniciativa do Instituto Vilson Groh (IVG).   

A seleção dos alunos ocorreu por meio de um edital de gratuidade conduzido pelo instituto. As aulas são realizadas de terça à quinta, no período da tarde, na Marista Escola Social Lúcia Mayvorne, na região central de Florianópolis. “A escolha do curso levou em consideração o mercado de trabalho em Florianópolis, com dezenas de oportunidades na área de tecnologia da informação. Assim, estes jovens ficam ainda mais próximos de conquistar o primeiro emprego”, explica Sandro Volpato, assessor de responsabilidade social da FIESC. O curso deve ser concluído em dezembro. 
 

Assessoria de Imprensa
Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina - FIESC
 

Inscreva-se e receba semanalmente por e-mail as atualizações da indústria de Santa Catarina