Em janeiro, o estado registrou expansão de 4,8% no Índice de Atividade Econômica (IBC) na comparação com dezembro de 2021, mostra análise do Observatório FIESC. No mesmo período, o Brasil teve uma retração de 1%.

:: Confira o Boletim Completo

Florianópolis, 5.4.2021 - Santa Catarina registrou expansão de 4,8% no Índice de Atividade Econômica (IBC) em janeiro na comparação com dezembro de 2021, na série livre de efeitos sazonais. De acordo com análise do Observatório FIESC, o resultado foi a maior expansão entre os estados do país na variação mensal. No mesmo período, o Brasil teve uma retração de 1%. A indústria foi um dos responsáveis pelo resultado positivo para a economia catarinense em janeiro, com expansão de 0,9% na produção industrial em comparação com dezembro de 2021.

“A indústria catarinense iniciou o ano com bons indicadores de geração de emprego e de produção. Acompanhamos com otimismo esses resultados, porque sabemos o quanto o setor colabora para o desenvolvimento e o crescimento da economia catarinense”, avalia o presidente da FIESC, Mario Cezar de Aguiar.

No acumulado de 12 meses, Santa Catarina teve o terceiro melhor resultado do país no IBC, com 6,5% de expansão, acima da média brasileira (4,7%).

Conforme análise do economista do Observatório FIESC Marcelo de Albuquerque, o setor de Metalurgia catarinense lidera o crescimento industrial neste início de 2022, com a maior expansão da produção industrial no estado - 29,6% em janeiro na comparação com dezembro. O bom momento da construção influencia o resultado.

A indústria da confecção de vestuário e acessórios também se destacou no período, com crescimento de 6,5% em janeiro ante dezembro e saldo de 2,8 mil novas vagas formais de emprego criadas no estado. Outra atividade que vem sustentando níveis de produção elevados na indústria é a de veículos automotores, que registrou em janeiro um patamar 11,4% acima de fevereiro de 2020.

Divulgado mensalmente, o IBC é medido pelo Banco Central e considerado uma prévia do resultado do PIB.

Inscreva-se e receba semanalmente por e-mail as atualizações da indústria de Santa Catarina