Pular para o conteúdo principal

Quer receber nosso conteúdo exclusivo? Inscreva-se!

SC tem dois portos entre os quatro que mais movimentaram contêineres no Brasil em 2023

Navegantes (2º) e Itapoá (4º) são destaques positivos no ranking anual da Antaq

Florianópolis, 08.02.2024 - Os portos catarinenses de Navegantes e Itapoá fecharam 2023 entre os quatro com maior movimentação de contêineres no Brasil. As informações constam do relatório anual do setor, divulgado pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) nesta quinta-feira (7).

Com alta de 10,2%, o terminal operado pela Portonave movimentou o equivalente a 1,27 milhão de contêineres padrão de 20 pés (TEU) e se confirmou como o segundo mais movimentado do país. Em primeiro lugar ficou o porto de Santos, com 3,31 milhões de contêineres (-5,9%) e, em terceiro, está o de Paranaguá, com 1,19 milhões (+6,5%).

Já o porto de Itapoá teve a mais expressiva alta entre os portos privados brasileiros, movimentando no ano passado 20,3% a mais do que em 2022. Assim, com 1,07 milhões de contêineres, ficou na quarta posição do ranking.

Na tabela da Antaq aparecem ainda os portos catarinenses de Imbituba (16º), que teve alta de 2,4% e movimentou 66 mil contêineres, e Itajaí (26º), que praticamente não teve movimentação de contêineres em 2023 (334 unidades) e registrou recuo estatístico de 100%.

Ranking por volume de carga

Na classificação da Antaq por volume de carga, o porto de São Francisco do Sul, que é mais direcionado à operação com grãos, é o catarinense melhor colocado. Confira as colocações dos portos Santa Catarina por este critério:

  • São Francisco do Sul (18º) - 16,83 milhões de toneladas
  • Navegantes (22º) - 14,24 milhões de toneladas
  • Itapoá (28º) - 11,73 milhões de toneladas
  • Imbituba (38º) - 7,7 milhões de toneladas
  • Itajaí (118º) 364 mil toneladas

Com informações da Antaq.
 

Notícias relacionadas

Indústria News

Inscreva-se e receba diariamente por e-mail as atualizações da indústria de Santa Catarina.
Confira edições anteriores.