Estado tem a quinta maior delegação do País e obteve o terceiro melhor resultado entre os participantes

Belo Horizonte, 7.9.2014 - A delegação catarinense que participou da Olimpíada do Conhecimento 2014 voltará para casa com 18 medalhas na mala e 14 certificados de excelência. O evento, que ocorreu em Belo Horizonte (MG) de 3 a 6 de setembro, se encerrou neste domingo, dia 7, com cerimônia de premiação no Minas Tênis Clube. Santa Catarina obteve o terceiro melhor resultado do País. Em 2012, a delegação havia ganhado 13 medalhas e ocupou o quinto lugar entre os Estados com melhor desempenho.

A pontuação máxima dos competidores é 600 pontos. Todos os participantes que superaram a marca dos 500 pontos receberam certificado de excelência. O presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC), Glauco José Côrte, destacou o desempenho do Estado no torneio. "Este foi o melhor resultado que já tivemos em todas as edições da Olimpíada do Conhecimento", enalteceu.

Durante a cerimônia, o diretor-geral do SENAI, Rafael Lucchesi, destacou a importância da olimpíada para a formação dos jovens para o trabalho no Brasil. "Quando dão oportunidade ao jovem, ele agarra com talento e dedicação. A excelência é consequência disso", afirmou. Para ele, o que foi realizado nos quatro dias de competição precisa ser levado para mais jovens brasileiros. "Não podemos ter uma 'geração nem-nem' (jovens que nem trabalham nem estudam). Mais de 5 milhões de pessoas estão nesta situação no País", disse. 

Eduardo Kruczkievicz, de São Bento do Sul, ficou surpreso com a medalha de ouro em tornearia a CNC. "Eu sabia que teria um bom resultado, mas não esperava o primeiro lugar", disse. Vitor França, que foi ouro em soluções de software, lembrou que esta é a segunda vez que Tubarão ganha uma medalha na área de tecnologia da informação numa Olimpíada do Conhecimento. 

Rudimar Braga dos Santos, ouro em sistemas de drywall e gesso, chorou muito ao receber a premiação, mesmo já tendo no currículo uma conquista na etapa estadual e outra internacional, no torneio continental. "A etapa nacional estava mais difícil que o WorldSkills Américas", afirmou o jovem de Blumenau que foi beneficiado pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

Rafael Oening, também de Blumenau, levará para casa duas medalhas. Além de ouro em administração de sistemas de rede, ele recebeu premiação por ter o melhor desempenho entre os catarinenses. "Eu não esperava receber estas medalhas porque tive um desempenho ruim no primeiro dia. Depois eu me concentrei e busquei um bom resultado", disse.

Mais de 800 competidores participaram da Olimpíada do Conhecimento realizada de 3 a 6 de setembro na Expominas e por onde passaram mais de 300 mil visitantes. Os competidores precisaram demonstrar em 58 ocupações habilidades e competências comuns às profissões que escolheram. A delegação catarinense foi acompanhada pelos profissionais do SENAI/SC Maristela Alves, Ilídio Scotti, André Leopoldino e Cleder Batti.

ETAPA MUNDIAL - Com os 58 primeiros lugares definidos, agora é hora de se preparar para a etapa mundial das competições de educação profissional. Em agosto de 2015, será realizada em São Paulo a primeira edição da WorldSkills em um país da América Latina. Para garantir uma vaga, os primeiros colocados da Olimpíada do Conhecimento terão de passar por provas e atingir o índice técnico exigido em sua modalidade. No mundial, 1.200 competidores de 60 países vão disputar medalhas em 49 ocupações do setor industrial e de serviços.

 

Medalhas de SC
Ouro:
Desenho Mecânico - Iago de Souza - Luzerna/Joaçaba (SENAI)
Web Design - Mateus Henrique Calza - Luzerna/Joaçaba (SENAI)
Tornearia CNC - Eduardo Kruczkiewicz - São Bento do Sul (SENAI)
Fresagem CNC - Alef Scholze - São Bento do Sul (SENAI)
Soluções de Software - Vitor Cardoso França - Tubarão (SENAI)
Sistema de Drywall e Gesso - Rudimar Braga dos Santos - Blumenau (SENAI)
Administração de Sistemas de Rede - Rafael Oening - Blumenau (SENAI)
Florista - Milena Berkembrock - Blumenau (SENAC)

Prata
Manutenção de Aeronaves - Jonatan Caregnato - São José/Palhoça (SENAI)
Eletricidade Industrial - Luan Costa dos Santos - Lages (SENAI)
Construção de Moldes - Gustavo Maia Arnaud - Joinville (SENAI)
Mecânica Industrial - Lucas Pires de Lima - São Bento do Sul (SENAI)
Tecnologia da Informação (PCD) - Igor Nunes da Silveira - São José (SENAI) 
Mecânica de Automóveis (PCD) - Lucas Mariano Coelho - São José/Palhoça (SENAI)

Bronze
Sistema de Trabsporte da Informação - Jeferson Kannenberg - Blumenau (SENAI)
Marcenaria de Estruturas - Leandro Nogueira - São Bento do Sul (SENAI)
Cabelereiro - Mariana Baldança Siqueira - (SENAC)
Costura - Alessandra Becker - (SENAC)

 

Elida Hack Ruivo
Assessoria de Imprensa da FIESC
48 3231-4244 | 48 9176-2505
elida.ruivo@fiescnet.com.br

 

Inscreva-se e receba semanalmente por e-mail as atualizações da indústria de Santa Catarina