Publicação, produzida pelo Observatório FIESC, traz dados macroeconômicos e analisa 12 indicadores, entre eles, o índice de atividade econômica, que fechou o semestre com alta de 3,18%, acima da média nacional que no período foi 0,94%

Florianópolis, 28.8.2019 – O radar econômico, produzido pelo Observatório FIESC, mostra o desempenho de 12 indicadores que medem o desempenho catarinense. Entre eles destacam-se o Índice de Atividade Econômica, que fechou o semestre com alta de 3,18%, acima da média nacional, que no período cresceu 0,94%. No mesmo período de comparação, as vendas industriais avançaram 6,3% e a produção do setor aumentou 6,1%. Quer saber mais? Clique aqui e veja os dados completos

A publicação traz ainda um panorama macroeconômico que destaca a taxa de câmbio e inflação. Em julho, a média da taxa de câmbio (R$/US$) foi de R$ 3,77. Em relação ao mês anterior, que registrou uma taxa de R$ 3,85, o valor representa uma queda de 2,04%. O valor do mês está levemente acima do esperado pelos especialistas do Banco Central, que projetam uma taxa de câmbio de R$ 3,75 em 2019 e em 2020.

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de junho foi de 0,01%. Em comparação com maio, aumentou 0,12 ponto percentual. No ano, o IPCA acumulou alta de 2,23%.

 

 

Entre em contato

Tire dúvidas, envie sugestões e reclamações

Fale conosco