Análise foi feita pelo Observatório FIESC a partir dos dados mais recentes do Novo Caged, divulgado pelo Ministério do Trabalho e da Previdência

Florianópolis, 7.7.2021 - Sete dos 10 municípios mais industrializados de Santa Catarina estão entre os que mais geraram novas vagas formais de emprego em 2022. Conforme análise do Observatório FIESC, as cidades com maior PIB industrial no estado estão entre as que mais criaram postos de trabalho de janeiro a maio deste ano, de acordo com os dados mais recentes do Novo Caged, divulgado pelo Ministério do Trabalho e da Previdência.

“A indústria é o coração do desenvolvimento econômico de Santa Catarina. Ao gerar oportunidades de emprego, criamos dignidade e cidadania em larga escala para o cidadão catarinense”, afirma o presidente da FIESC, Mario Cezar de Aguiar.

As experiências internacionais mais recentes mostraram que o processo de desenvolvimento e crescimento econômico envolve necessariamente o aumento tanto na produção como no emprego da indústria, com a transferência de recursos produtivos e trabalhadores de setores de menor valor adicionado para os de maior valor adicionado. "Além da geração de emprego, os municípios com grande participação da indústria no PIB também apresentam indicadores positivos de desenvolvimento humano”, avalia o economista do Observatório FIESC, Marcelo de Albuquerque.

Os municípios mais industrializados de Santa Catarina também estão entre os que detêm os melhores Índices de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM). Joinville (4º), Blumenau (6º) e Jaraguá do Sul (8º).

Conforme resultados de 2010, estes quatro municípios têm IDHM acima de 0,80, índice considerado alto de acordo com a classificação do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Confira o ranking

Arquivo

Inscreva-se e receba semanalmente por e-mail as atualizações da indústria de Santa Catarina