Iniciativa é da CNI em conjunto com a FIESC e conta com o apoio do Plano de Sustentabilidade da federação. A publicação traz as diretrizes gerais para a indústria se adaptar às mudanças do clima. Transmissão será pelo canal da CNI no YouTube

Clique na imagem abaixo para assistir a live “Gestão de risco climático - fator chave para gestão, investimentos e continuidade dos negócios”


Florianópolis, 18.11.2020 – Em live, nesta quinta-feira, dia 19, às 15h, será lançado o Guia da Indústria Resiliente, publicação que contempla as diretrizes gerais para a indústria se adaptar às mudanças do clima. A iniciativa é da Confederação Nacional da Indústria (CNI) em conjunto com a FIESC e conta com o apoio do Plano de Sustentabilidade da Indústria Catarinense, iniciativa da federação. 

O guia visa subsidiar as empresas na formulação de seus próprios planos de adaptação à mudança do clima e faz a adequação de metodologia consolidada internacionalmente à realidade da indústria nacional, a partir da incorporação de seus conceitos às ferramentas de gestão da qualidade e de risco já praticados pelo setor industrial, de forma a contribuir para a criação da cultura de prevenção ao risco climático na cadeia produtiva. Ainda na live, será lançado o guia “Financiamento para o clima: guia para otimização do acesso pela indústria”. 

Quem vai participar: a transmissão será feita pelo canal da CNI no YouTube e contará com a participação do presidente da Câmara de Meio Ambiente e Sustentabilidade da FIESC, José Lourival Magri, do subsecretário de sustentabilidade do Ministério da Infraestrutura, Mateus Salomé, do especialista da Sênior Way Carbon, Sérgio Margulis, do chefe do departamento de meio ambiente e Fundo Amazônia do BNDES, Nabil Kadri, com mediação de Davi Bontempo, gerente-executivo de meio ambiente e sustentabilidade da CNI. 

Inscreva-se e receba semanalmente por e-mail as atualizações da indústria de Santa Catarina