Equipamentos doados por indústrias e revisados por alunos e docentes do SENAI foram entregues nesta segunda-feira (31) a abrigos de Jaraguá do Sul que participam do Programa Novos Caminhos

 
Florianópolis, 31.08.2020 – A Federação das Indústrias (FIESC) entregou nesta segunda-feira (31) dez computadores aos serviços de acolhimento do estado que participam do Programa Novos Caminhos no Vale do Itapocu. Os equipamentos, doados por Adapcon, Malwee, Grupo Marisol e Weg, foram encaminhados ao Lar da Criança Marcos Valdir Moroso, de Guaramirim, e aos abrigos institucionais Mônica Maria Franzner Lescowicz e Edith Mary Hermann, de Jaraguá do Sul. As máquinas foram revisadas por alunos e docentes do SENAI. A iniciativa deve ser levada às demais regiões do estado.

O presidente da FIESC, Mario Cezar de Aguiar, acompanhou o evento on-line que oficializou a entrega dos computadores em Jaraguá do Sul. “A ação simboliza uma parceria importante entre o setor privado e a Justiça, considerando que precisamos unir forças para atender às demandas da sociedade. Queremos incentivar que iniciativas dessa natureza ocorram em outras regiões”, destacou. Outros 60 computadores, doados pela Engie, estão sendo encaminhados para serviços de acolhimento em Blumenau, Lages e Joinville.

Jussara Wandescheer, presidente da AMC, afirmou que o programa deve ser levado a mais parceiros para que “abracem essa causa que faz tanta diferença na vida das crianças”. Ela também afirmou que o programa é fundamental para reduzir a vulnerabilidade dos acolhidos. “Queremos que eles consigam se manter, com o sustento do seu próprio trabalho, e formem suas próprias famílias”, frisou. 

A desembargadora Rosane Portela Wolf, da Coordenadoria da Infância e Juventude, destacou a sinergia entre as entidades parceiras na busca por transformar a sociedade com ações significativas. “Graças ao empenho das indústrias, essas ações foram possíveis, e queremos que isso se repita em outras regiões. Vamos formar pontes e vínculos para buscar efetivamente mudar a vida desses jovens que estão nas casas de acolhimento”, disse. 

O vice-presidente regional da FIESC, Celio Bayer, agradeceu o apoio das empresas e disse que é preciso incentivar mais indústrias a contribuir com a campanha. “Levar inclusão digital aos abrigos foi crucial neste momento de pandemia, já que o que aconteceria em cinco anos de digitalização, ocorreu em quatro meses”, lembrou. 

::: Empresas Amigas
Sandro Baehr, da Adapcon, afirmou que “se queremos um país melhor, precisamos cuidar melhor das nossas crianças”. Luciano Baramarchi, do Grupo Malwee, lembrou que a inclusão digital ainda é um grande desafio. “Queremos fazer mais, e já separamos mais equipamentos a serem doados para esta iniciativa”, antecipou. Daniela Vicenzi, da Marisol, agradeceu a oportunidade de participar da ação e comentou que o projeto vai ao encontro do propósito da Marisol de criar um mundo melhor. “Juntos, devemos transformar a educação das crianças e ficamos muito felizes com essa oportunidade”, declarou. O diretor da WEG, Hilton Faria, lembrou que a tecnologia tem possibilitado inúmeras interações nesse momento de pandemia, por isso ampliar o acesso às ferramentas é imprescindível. “De um lado, fazemos nossa parte social, e do outro ainda contribuímos com o ensino dos alunos do SENAI. Além disso, cuidamos da parte ambiental dando um destino melhor para os equipamentos. Vamos seguir com as doações, destinando os computadores aos que mais precisam”.

Djonatas Machado, coordenador do Lar da Criança Marcos Valdir Moroso, relatou que professoras da secretaria municipal de educação têm auxiliado as crianças da casa com as atividades on-line por meio dos próprios computadores. “Agora, elas poderão contar com os novos”, celebrou.

O gerente-executivo do SESI e do SENAI na região, Jefferson Galdino, destacou que a entidade já recuperou e doou mais de 900 máquinas na região. “Temos um aluno que vive em um dos abrigos e que inclusive participa da recuperação dos equipamentos”, contou. Qualquer pessoa pode doar computadores e periféricos ao SENAI para que sejam recuperados e encaminhados às entidades que mais precisam. Se você deseja fazer uma doação, informe-se na unidade do SENAI da sua região.


Assessoria de Imprensa
Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina
 

Inscreva-se e receba semanalmente por e-mail as atualizações da indústria de Santa Catarina