Na categoria ensino profissional, os projetos Clube Empreender e Saga SENAI de Inovação conquistaram o primeiro e o segundo lugar, respectivamente; ambas avançam para a etapa regional do prêmio promovido pelo SEBRAE

                     
Florianópolis, 29.5.2019 – Projetos do SESI e SENAI venceram a etapa estadual do Prêmio SEBRAE de Educação Empreendedora. A premiação ocorreu nesta quarta-feira (29), em cerimônia realizada em Florianópolis, e reconheceu duas iniciativas. Na categoria ensino profissional, os projetos Clube Empreender e Saga SENAI de Inovação, conquistaram o primeiro e o segundo lugar, respectivamente. As práticas seguem agora para a disputa entre estados da região Sul, na qual concorrerão a vagas para a fase nacional.

O projeto Clube Empreender foi desenvolvido por estudantes do ensino médio SESI SENAI de Brusque. “Os encontros eram divididos por temas que conciliavam o desenvolvimento e aplicabilidade da ferramenta CANVAS com conceitos fundamentais de empreendedorismo e técnicas como o Design Thinking”, explica o coordenador do projeto, João Anselmo Tormen Ferreira. 

Estudantes e professores organizaram um evento com a temática na escola com a participação de empreendedores de Brusque e Blumenau, de uma startup e de um consultor do SEBRAE. “Vimos a importância de trabalhar na educação básica e profissionalizante o empreendedorismo, pois ele capacita, informa, esclarece, clareia e abre oportunidades que os alunos talvez nem imaginassem que existiam. O resultado é motivação, insights, sensação de dever cumprido e uma certeza: estamos preparando jovens para serem protagonistas das suas histórias”, conclui o professor.

Já a iniciativa Saga SENAI de Inovação, conduzida por Maikel Maciel Trennpohl, consiste na criação de projetos integradores que buscam soluções para desafios reais da indústria brasileira. Participam 16 escolas do SENAI e mais de 2 mil alunos. 

O objetivo do prêmio conquistado pelas equipes do SESI e do SENAI é identificar, estimular, reconhecer e divulgar as melhores práticas da educação empreendedora no Brasil, em quatro categorias: ensino fundamental, médio, profissional e superior. “As conquistas reforçam o nosso propósito de fazer uma educação de qualidade e diferenciada”, frisou o diretor de educação do SESI e do SENAI, Claudemir Bonatto. 

O Programa Nacional de Educação Empreendedora vem sendo implementado pelo Sebrae desde 2013. Nesses cinco anos, o número de capacitações realizadas pelo Programa soma mais de 4 milhões e 200 potenciais empreendedores e 165.498 professores, além de 9.077 instituições parceiras atendidas em todo país. Somente em Santa Catarina foram mais de 6.000 professores capacitados em todos os níveis de ensino, em mais de 70 instituições parceiras. 

As melhores iniciativas estaduais e regionais serão reconhecidas com os troféus ouro, prata e bronze de cada categoria (ensino fundamental, ensino médio, ensino profissional e ensino superior). Já os melhores cases nacionais receberão, além de troféus, um convite para participar de uma missão técnica nacional (1º, 2º e 3º lugares). Por fim, para os primeiros lugares em cada uma das quatro categorias, será concedida também uma oportunidade de apresentar o seu projeto em um evento de visibilidade nacional.

Assessoria de Imprensa
Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina
imprensa@fiesc.com.br | 48 3231 4244
 

Entre em contato

Tire dúvidas, envie sugestões e reclamações

Fale conosco