Encontros, promovidos pela FIESC, são gratuitos e vão reunir indústrias que ainda não exportam e aquelas que querem ampliar as vendas ao exterior. Em Lages, evento foi realizado nesta segunda-feira (10)

Você sabia que a importação também faz parte da internacionalização? Confira entrevista com o consultor da Funcex, Romulo Del Carpio, e saiba como a importação agrega valor à sua empresa
 

Florianópolis, 11.6.2019 - Indústrias de pequeno e médio portes de Joaçaba, Concórdia e Caçador que desejam ampliar as exportações ou ingressar no mercado internacional têm a oportunidade de conhecer os caminhos e debater o desafios na área em encontros gratuitos promovidos pela Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC). Os eventos estão sendo realizados nesta semana em Concórdia (11/6), Joaçaba (12/6) e Caçador (13/6) e são voltados à alta direção das companhias e a profissionais do comércio exterior. Nos encontros, as indústrias vão realizar um diagnóstico em que avaliam o grau de maturidade em que se encontram em relação à internacionalização. A partir daí, será possível estabelecer um plano de ação para apoiar a implementação de estratégias na área. Lages recebeu o encontro nesta segunda-feira (10).

Em Concórdia, o evento será nesta terça-feira (11), das 18h às 21h, no SESI (Rua 29 de Julho, 1590, bairro Bairro Itaíba). Em Joaçaba, o evento está programado para o dia 12, das 18h às 21h, no SESI (Rua Tiradentes, 214, Centro). Em Caçador, será no dia 13, das 18h às 21h, no SESI (Rod. Honorino Moro, 610, bairro Alto Bonito). Os eventos vão proporcionar a troca de experiências sobre o tema, discutir os desafios enfrentados pelos empresários, além de apresentar detalhes do programa da FIESC para apoiar a indústria na implementação do seu plano de internacionalização a partir do resultado do diagnóstico que avalia o nível de maturidade.

Concórdia: inscreva-se aqui
Joaçaba: inscreva-se aqui
Caçador: inscreva-se aqui


Os eventos integram o Programa de Internacionalização, lançado pela FIESC em dezembro de 2018, com o objetivo de tornar as indústrias mais competitivas e prepará-las para as diversas possibilidades que o mercado internacional oferece, seja exportação, importação ou alianças para fazer frente aos concorrentes internacionais presentes no Brasil e no exterior. Atualmente, 2,5 mil empresas catarinenses exportam, sendo que 1,4 mil delas são micro e pequenas. Estas, entretanto, respondem por apenas 2,5% do total (dados de 2018).

::: Internacionalização é tema da reportagem de capa da última edição da Revista Indústria e Competitividade. Veja a revista na íntegra gratuitamente.

Confira abaixo alguns mitos e verdades sobre comércio internacional
Mitos e verdades


 

Entre em contato

Tire dúvidas, envie sugestões e reclamações

Fale conosco