Estudantes representarão SC no First Lego League e podem se classificar para as disputas mundiais

Florianópolis, 11.03.2015 – Com a classificação na etapa regional Sul do Torneio de Robótica FLL, sete estudantes do SESI de Joinville seguem para a etapa nacional da competição, que ocorrerá de 13 a 15 de março, em Brasília. O torneio é realizado pelo SESI em parceria com o grupo LEGO (Dinamarca) e a organização americana FIRST (For Inspiration and Recognition of Science and Technology).

A iniciativa tem como objetivo despertar o interesse dos estudantes por ciências e matemática e contribuir na formação de futuros engenheiros e cientistas, desenvolvendo e fortalecendo a autoestima, confiança e habilidades para a vida.

A preparação dos catarinenses para a competição nacional começou em janeiro. De lá para cá eles se reuniram todas as quartas-feiras. Participaram de workshops e simulados, coordenados pela equipe da Educação do SESI/SC, instrutores e técnicos em mecatrônica. Nos workshops foram trabalhados temas como: estratégia, navegação do robô, core values, design do robô, técnicas e dispositivos de atuação para que o robô possa executar melhor e com maior eficiência os desafios impostos. 

Rodrigo Nathan Baessa, 15 anos, é membro da equipe e estuda robótica desde 2013. “Comecei a fazer o curso de robótica, por incentivo do meu pai, que trabalha na Tupy”, conta. “Precisamos aprender com o mundo que está ficando muito tecnológico. Quero fazer mecatrônica no futuro e o estudo da robótica está me trazendo experiência e novos conhecimentos para minha vida”, revela o jovem.

As escolas do SESI utilizam desde 2012 equipamentos, dispositivos e recursos do Lego. Segundo o superintendente do SESI/SC, Fabrízio Machado Pereira, a partir deste ano a robótica será introduzida como recurso para a formação dos trabalhadores, por meio da educação corporativa e da educação de jovens e adultos, inclusive na disciplina de física. “O tema tem forte conexão com a nossa proposta pedagógica. Queremos despertar o interesse pelas áreas como engenharia, matemática, ciências e tecnologia”, salienta.

O FLL é um programa internacional criado para despertar o interesse dos estudantes em temas como ciência e tecnologia dentro do ambiente escolar. Na prática, o desafio desta edição é demonstrar como os estudantes vislumbram a aprendizagem do futuro a partir de uma solução inovadora e apresentar seus projetos de pesquisa. Usando peças de lego, os jovens participarão do desafio de criar um robô e serão avaliados pelo design mecânico, programação, estratégia e inovação utilizados no projeto, além dos valores éticos e profissionais. Durante esse processo, os participantes são estimulados a desenvolver o interesse pela ciência e tecnologia e a descobrir novas possibilidades de carreira.

O Torneio de Robótica é voltado para crianças e adolescentes de 9 a 16 anos. Cada grupo é composto de no mínimo 4 e no máximo 10 participantes. O vencedor da etapa nacional garante vaga no World Festival que acontece nos Estados Unidos. A competição vai ser realizada em abril de 2015, na cidade de Saint Louis, no Estado do Missouri. O World Festival reúne os campeões de vários torneios de robótica pelo mundo. A próxima edição do FLL (2015-2016 ) terá como tema a reciclagem.

 

Elida Hack Ruivo

Assessoria de Imprensa da FIESC

48 3231-4244 | 48 9176-2505

elida.ruivo@fiesc.com.br

 

Entre em contato

Tire dúvidas, envie sugestões e reclamações

Fale conosco