Nesta quinta-feira (14), a diretoria da entidade visitou a Unesc, Bairro da Juventude, Plasson do Brasil, SATC, AMREC e prefeitura. Compromissos na região se inciaram na terça-feira (12) se encerram nesta sexta-feira (15), com visitas à Damyller, SESI e participação em seminário do SIMEC

Clique aqui e veja no Flickr da FIESC a cobertura fotográfica

Florianópolis, 14.3.2019 – Durante reunião com lideranças de Criciúma nesta quinta-feira (14), a diretoria da Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC) debateu iniciativas voltadas à inovação e realizou dois encontros sobre internacionalização. A agenda de compromissos incluiu visitas à Unesc, SATC, Bairro da Juventude, Plasson do Brasil, Anjo Tintas, Associação Empresarial (ACIC), reunião com presidentes de sindicatos industriais, Prefeitura de Criciúma e posse da diretoria da AMREC. “A agenda de hoje foi surpreendente. Nas visitas, ficamos impressionados com as iniciativas voltadas à inovação. Já conhecíamos as instituições, mas o contato mais próximo é fundamental. Inovação é a palavra de ordem hoje e esse é o caminho certo”, afirmou o presidente da FIESC, Mario Cezar de Aguiar, que está acompanhado do vice-presidente regional, Diomício Vidal, e do superintendente do SESI e diretor regional do SENAI, Fabrizio Machado Pereira.

No encontro, o prefeito Clésio Salvaro informou que o município criou a lei de incentivo à inovação tecnológica e salientou a importância das startups, que são aliadas de outras empresas e geram empregos qualificados. Na SATC, por exemplo, a diretoria da Federação conheceu o Laboratório de Prototipagem e Novas Tecnologias Orientadas ao 3D, onde são feitas pesquisas de captura de CO2. “A presença da FIESC aqui é muito importante. Estamos apresentando o potencial da nossa economia e da nossa indústria”, afirmou Diomício Vidal.

Ainda nesta quinta-feira, a FIESC realizou em Criciúma dois eventos que marcam a nova fase do Programa de Internacionalização da entidade. No Diálogo Empresarial foram discutidos com líderes industriais os principais desafios enfrentados pelas empresas para se internacionalizar e as possíveis estratégias para superá-los. No Workshop Desafios e Caminhos da Internacionalização, diretores de indústrias e profissionais que atuam no comércio exterior participaram de oficina para avaliar o grau de maturidade da empresa em relação ao comércio exterior.

A FIESC encerra nesta sexta-feira a agenda no sul com visitas ao SESI Criciúma e à Damyller em Nova Veneza e participação em seminário promovido pelo SIMEC.

Entre em contato

Tire dúvidas, envie sugestões e reclamações

Fale conosco