Sustentabilidade e negócios são temas de workshop em Joinville

Encontro realizado na noite desta quinta-feira (10) teve apresentações de representantes da GM, CEBDS, SESI/SC e BSI Group
Imprimir
  • Carla Branco, do CEBDS, durante palestra no encontro em Joinville (foto: André Kopsch)
  • José Lourival Magri, da Câmara de Qualidade Ambiental da FIESC (foto: André Kopsch)
  • Nelson Branco, da GM (foto: André Kopsch)
  • Leonardo Fernandes, do BSI Group (foto: André Kopsch)
  • Claudio José Franchini, do SESI/SC (foto: André Kopsch)

Florianópolis, 11.8.2017 – Gestores, líderes de processos, técnicos das áreas de meio ambiente e saúde e segurança participaram do workshop com foco na sustentabilidade no contexto dos negócios. O evento, realizado em Joinville, na noite desta quinta-feira, dia 10 de agosto, é uma iniciativa da Câmara de Qualidade Ambiental da Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC), no âmbito do Plano de Sustentabilidade para a Competitividade da Indústria Catarinense.

Carla Branco, do Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS), falou sobre a “Vanguarda de sustentabilidade empresarial brasileira”. Carla apresentou o CEBDS, entidade que promove o desenvolvimento sustentável, nas empresas que atuam no Brasil, por meio da articulação junto aos governos e a sociedade civil, além de divulgar os conceitos e práticas mais atuais do tema. A palestrante citou exemplos de trabalhos realizados para encontrar soluções para empresas e que podem ser replicados. “Sustentabilidade não é pensar somente em meio ambiente, mas ações afirmativas na atuação das empresas a partir dos pilares econômico, social e ambiental”.

“Saúde, um ativo estratégico", foi o tema do médico Claudio José Franchini, especialista em segurança e medicina do trabalho do SESI/SC. “O maior patrimônio que temos é nossa saúde, que está diretamente ligada à nossa qualidade de vida. As empresas de hoje têm, cada vez, se preocupado com a saúde do trabalhador e investido em medidas para prevenir doenças”, enfatizou. Claudio também apresentou a política da FIESC relacionada à saúde do trabalhador e os programas que a instituição oferece para as empresas.

Para mostrar o projeto sustentável de instalação da unidade da GM em Joinville, o engenheiro Nelson Branco apresentou a evolução da sustentabilidade da companhia. “A grande maioria dos projetos sustentáveis (mais de 99%) são de empresas não ligadas ao ramo de manufatura. O custo para implantação não era o mais vantajoso. O grande ganho foi o conhecimento adquirido, importante quando falamos de sustentabilidade”, destacou.

Leonardo Fernandes, do BSI Group, abordou as "Estratégias de negócios e as novas tendências de sistemas de gestão ambiental”. O foco da apresentação foram as mudanças geradas com as novas versões das normas ISO 9001:2015 e 14001. “As normas passaram a ter um enfoque mais de negócio. As lideranças das empresas deverão estar mais envolvidas na gestão das certificações. O planejamento estratégico é imprescindível para isso”, alertou Fernandes.

Com informações da EDM Logos