Presidente da FIESC é homenageado pelo LIDE-SC

Glauco José Côrte recebeu o prêmio Personalidade Destaque, noite desta quinta-feira (7), em Florianópolis
Imprimir
  • O Prêmio projeta esforços empreendidos para posicionar SC no patamar de liderança nacional (foto: Marcus Quint)

Florianópolis, 7.12.2017 – O presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC), Glauco José Côrte, recebeu homenagem do LIDE-SC, na categoria Personalidade Destaque, durante a 2ª edição do Prêmio Líderes, realizada na noite desta quinta-feira (7), em Florianópolis. O LIDE é uma organização que tem 1,6 mil empresas filiadas e reúne os principais líderes do País. O Prêmio tem o objetivo de projetar empresas, além de reconhecer os esforços empreendidos para posicionar Santa Catarina no patamar de liderança nacional.

A exemplo do que tem feito em outras homenagens recebidas recentemente, Côrte creditou a premiação à contribuição que a indústria dá ao desenvolvimento de Santa Catarina e do Brasil. Ele compartilhou o reconhecimento com as entidades da FIESC (SESI, SENAI, IEL e CIESC), que atuam para promover um ambiente institucional mais favorável à produção, pela saúde e educação do trabalhador, além da tecnologia e inovação, buscando a competitividade da indústria e da economia. “Renovo o compromisso da FIESC de trabalhar pelo desenvolvimento de Santa Catarina, como um legítimo direito que as famílias catarinenses têm de receber de entidades como a nossa”, afirmou, reforçando o comprometimento da Federação e das entidades parceiras, como Fecomércio, FAESC e Fetrancesc, com a promoção da educação do trabalhador catarinense por meio do Movimento SC pela Educação.

O presidente da FIESC ainda lembrou que o Estado registra desempenho acima da média nacional, em grande parte devido ao setor industrial, com crescimento de 3% de janeiro a setembro, contra média nacional de 0,5%, segundo o Banco Central. “Embora a maior parte dos indicadores seja positiva, gostaria de destacar a geração de empregos. Foram 41 mil novas vagas em Santa Catarina entre janeiro e outubro, das quais 33 mil criadas pela indústria e 29 mil destas pela indústria de transformação, nos colocando no segundo lugar entre o estados que mais geraram empregos na indústria brasileira”, afirmou.

Durante o evento também foram reconhecidos os destaques do Estado nas categorias agronegócio, indústria, serviços, imobiliário, tecnologia e inovação, turismo, varejo, empresa revelação, empresário do ano, homenagem especial e personalidade destaque. Para a escolha dos premiados foram avaliados quesitos como: inovação, responsabilidade social e ações empreendedoras. A eleição para definição dos vencedores foi realizada com o apoio de filiados, jornalistas e do comitê de gestão do LIDE.