Blumenau recebe primeiro Espaço de Educação Maker em Santa Catarina

Instalado em uma área de 1,2 mil m² no Complexo Esportivo Bernardo Werner, Espaço Maker do SESI oferece a crianças e jovens a oportunidade de desenvolver competências adequadas às necessidades do século 21 e do mundo do trabalho
Imprimir
  • Espaço de Educação Maker atenderá crianças e jovens de sete a 18 anos (Foto: D.J. Castro)

Florianópolis, 29.03.2017 – O SESI, entidade da FIESC, entrega em Blumenau, no dia 31 de março, às 16 horas, o primeiro Espaço de Educação Maker em Santa Catarina. Instalado em uma área de 1,2 mil m² no Complexo Esportivo Bernardo Werner, ele integra atividades em cinco cursos que promovem exploração, pesquisa, construção, experimentação e aprendizado colaborativo e coletivo.

Crianças e jovens, de sete a 18 anos, terão a oportunidade de elaborar projetos com soluções criativas e inovadoras para problemas atuais e futuros. “Esta é uma grande ação que favorece o domínio das novas tecnologias para a resolução de situações-problema vinculadas ao contexto da sociedade e da indústria”, explica o superintendente do SESI/SC, Fabrizio Machado Pereira. Os participantes terão acesso a equipamentos diversos, dos mais simples aos mais sofisticados, como placas eletrônicas, arduinos, rasperry pi, impressoras 3D e drones, para promover a ampliação do conhecimento e desenvolvimento de habilidades.

“É uma mudança de paradigma da educação tradicional para a educação maker, cujo olhar sobre todo o processo de construção do conhecimento é essencial para a aprendizagem significativa, contextualizada, criativa e inovadora”, afirma a diretora do SESI Vale do Itajaí, Dalila de Carvalho, acrescentando que a proposta foca o desenvolvimento das competências linguísticas, matemáticas, científicas e tecnológicas.

Serão colocados à disposição recursos que abordam conteúdos com base em modelos contemporâneos de educação e inspirados em exemplos que deram certo em outros países, como o Movimento Maker (extensão tecnológica e técnica da cultura “faça-você-mesmo”), a metodologia de ensino Steam (nova processo de ensino e aprendizagem, baseado em aliar conhecimento prático e teórico) e os Fab Labs (aprendizado em que as crianças colocam a “mão na massa”). Não existem salas de aulas com espaço físico delimitado, nem quadro negro ou mesas individuais. No Espaço de Educação Maker, todos os estudantes estão livres para utilizar os recursos disponíveis e transitar por todo o espaço, interagindo com seus orientadores.

Com investimento de R$ 1,2 milhão, o local oferecerá cursos de Tecnologia e Robótica, Comunicação & Mídias (pelo viés da arte cinematográfica e das artes cênicas), Ciências e Matemática (com abordagem moderna e ampla de conteúdos relacionados, por exemplo, à criação de protótipos e jogos físicos e virtuais), além da possibilidade de montar um programa que mais desafie o estudante. Os cursos têm duração de cinco meses, com horas/aula semanais. A inciativa será disseminada em outras regiões do Estado, como Joaçaba, Pinhalzinho, Rio do Sul, Indaial, Palhoça e Joinville. O SENAI atua da mesma forma, com atuação voltada para a educação profissional. Seu primeiro laboratório aberto foi inaugurado em Tubarão.

Atividades paralelas

No dia seguinte (01 de abril), ainda dentro da programação de abertura do Espaço Maker, o SESI promoverá o talk show “Destino: Educação – Escolas Inovadoras”, para debater tendências sobre o tema. A conversa, que ocorre a partir das 8h30min, contará com a mediação de Marcos Ferreira, especialista em economia criativa, com a presença da pedagoga Kitta Eitler, além de especialistas da área de educação do SESI e estudantes do Espaço Maker.

No mesmo dia, também será realizada a Maratona Maker. Cerca de 60 alunos da rede pública municipal, estadual e alunos do Espaço Maker do SESI poderão desenvolver ideias e construir protótipos e projetos que contemplem o tema “Cidade para Todos”. O evento é inspirado nos Hackthons, onde os jovens mostram-se receptivos à resolução de problemas cotidianos. Os participantes serão distribuídos em equipes de cinco integrantes, acompanhados pelos professores das escolas convidadas. Eles serão orientados pelos estudantes do Espaço Maker com relação ao uso do local e dos recursos no desenvolvimento de projetos. A maratona ocorre das 8h30 às 18h30min.

Saiba mais

Público-alvo: estudantes de sete a 18 anos, dependentes da indústria e comunidade em geral.

Proposta pedagógica: cursos com 80 horas, organizados em: Projeto programado (tema pré-definido, por área); Projeto emergente (tema proposto pelos participantes, por área); Projeto integrado (tema com integração entre diferentes áreas).

Serviço

O quê: Inauguração do Espaço de Educação Maker do SESI

Quando: Dia 31 de março de 2017

Horário: 16 horas

Onde: Complexo Esportivo Bernardo Werner (Rua Itajaí, nº 3434, Vorstadt - Blumenau/SC)

Com informações da Presse Comunicação.

Assessoria de Imprensa – FIESC

48 3231-4671 / 98421-4224
mirianemc@fiesc.com.br