Jornada da Indústria discute longevidade saudável, previdência e bem-estar

Michael Roizen, Alexandre Kalache, José Cechin, Giovanni Cerri, Baldur Schubert e Emmanuel Lacerda abrem evento promovido pela FIESC, de 17 a 19 de maio
Imprimir
  • Médico Alexandre Kalache vai abordar o tema a revolução da longevidade (foto: AC-ILC-Conference)

Florianópolis, 12.05.2017 – A revolução da longevidade, a ciência a serviço do bem-estar, saúde e previdência são alguns dos assuntos que serão debatidos na 6ª edição da Jornada Inovação e Competitividade da Indústria Catarinense, promovido pela Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC). O evento, que ocorre de 17 a 19 de maio, ainda discutirá sobre educação, inovação e tecnologia e ambiente institucional.

No primeiro dia, pela manhã, o presidente do Centro Internacional de Longevidade, Alexandre Kalache, discutirá sobre a revolução da longevidade. Na sequência, o autor do livro A Idade Verdadeira e médico da Cleveland Clinic, Michael Roizen, fará palestra sobre ciência serviço do bem-estar. Para encerrar as discussões deste primeiro bloco, José Cechin, Giovanni Cerri, Baldur Schubert e Emmanuel Lacerda participam de painel que debaterá os temas saúde, longevidade e previdência.

A Jornada apresenta temas fundamentais para o desenvolvimento e o futuro da indústria. Empresários, diretores e gerentes, autoridades, representantes do universo acadêmico e dirigentes de sindicatos industriais reúnem-se para analisar e debater os desafios. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas no site www.fiesc.com.br/jornada. Também está disponível o aplicativo Jornada 2017 para celulares (IOS e Android) e tablets.

A Jornada é patrocinada pelo SESI Nacional, SENAI Nacional, SESI/SC, SENAI/SC, PREVISC, CREDIFIESC e BRDE, e conta com o apoio institucional da Associação Catarinense de Imprensa (ACI).
 

Conheça os palestrantes do tema saúde e segurança na Jornada:

Alexandre Kalache é presidente do Centro Internacional de Longevidade e especialista em questões relacionadas ao envelhecimento, incluindo a epidemiologia do envelhecimento e o curso de vida, e desenvolvimento de políticas intersetoriais (incluindo iniciativas amigáveis aos idosos). Além disso, aborda a promoção de saúde, cuidados na velhice, direitos humanos e migração no contexto do envelhecimento e as complexidades culturais mais gerais da revolução mundial da longevidade.

Michael Roizen é médico do Cleaveland Clinic, criador do conceito RealAge e autor do best-seller do New York Times, RealAge. Realizou sua residência em medicina interna no Hospital Beth Israel de Harvard. É certificado pelo Conselho Americano de Medicina Interna e pelo American Board of Anesthesiology.

José Cechin é engenheiro, economista e político. Foi ministro da Previdência Social durante o governo de Fernando Henrique Cardoso, atuou como consultor em Previdência e foi superintendente executivo do Instituto de Saúde Suplementar (IESS).

Giovanni Cerri é radiologista e vice-presidente do Instituto Coalizão Saúde. Possui graduação em medicina e doutorado em radiologia pela Universidade de São Paulo (USP). Atualmente é professor titular da USP, atuando nos seguintes temas: ultra-sonografia, ressonância magnética, tomografia computadorizada, diagnóstico por imagem e ultra-sonografia Doppler.

Baldur Schubert é médico e representante no Brasil da Organização Iberoamericana de Seguridade Social (OISS). Presidiu o Instituto Nacional de Previdência Social (INPS) e a Fundação Nacional de Saúde. Foi secretário nacional de Vigilância Sanitária, presidente da Comissão Nacional de Prevenção da Cólera e coordenador da Área Técnica da Saúde do Homem.

Emmanuel Lacerda é gerente executivo de Qualidade de Vida do SESI Nacional e executivo sênior, com 20 anos de experiência profissional como gestor em empresas de grande porte, entidades empresariais e Sistema S. Atua no desenvolvimento e gerenciamento de programas e projetos voltados ao fortalecimento da competitividade industrial, em áreas como saúde e segurança para a indústria, inovação, ecoeficiência, clusters e empreendedorismo. Possui formação em engenharia mecânica, pós-graduação em gerenciamento de tecnologias ambientais e mestrado na área de competitividade empresarial.

Assessoria de Imprensa

Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina